Cerca viva – Como utilizar, espécies e principais vantagens

A cerca viva é uma excelente alternativa para substituir muros de cimento, cercas de alumínio e muro de vidro temperado. É uma forma econômica de trazer mais privacidade e segurança para casas, espaços de lazer com piscina e divisórias para hall de entrada. Com os diferentes tipos de cercas vivas, é possível combinar os elementos com o seu projeto de paisagismo. Para te ajudar a planejar um espaço ao ar livre com segurança e beleza, trouxemos uma lista de espécies com cerca viva para combinar com sua ideia, além de dicas de onde utilizar o elemento.

cerca viva

Saiba mais sobre cerca viva

Para quem gosta de um elemento vazado ao redor de casa, divisórias de ambiente externo e opções que esbanjam beleza, a cerca viva é uma ótima opção para plantar em casa. Esses elementos naturais podem ser usados de diversas formas, delimitando um espaço, criação de caminhos no jardim, disfarçar detalhes desnecessários e criar um destaque na fachada residencial. Além disso, algumas cercas vivas dão flores, valorizando o ambiente e combinando com uma paleta de cores bonita mesmo em um espaço ao ar livre. No paisagismo este estilo de cerca espanta os curiosos e ainda dá um toque incrível na decoração de área externa.

Espécies para construir sua cerca viva

Após conhecer algumas funcionalidades das cercas vivas, confira algumas espécies para construir sua cerca viva. Saiba que algumas espécies de cerca viva crescem mais rápido que outras, podendo ou não danificar os pisos onde é plantada. Por isso, cuidado ao cultivar determinadas espécies.

cerca viva

Murta

Uma das espécies de cercas vivas que crescem rapidamente é a Murta, ela se adapta a diversos tipos de solos e temperaturas climáticas. Se você busca uma cerca viva mais alta, a Murta é ideal para esse tipo de necessidade, pois ela pode chegar a 5 metros de altura. Além disso, a Murta possui folhas pequenas e juntinhas uma das outras, o que garante uma cerca com bastante privacidade. Contudo, as podas devem ser frequentes, já que o arbusto costuma crescer bem rápido e exige um certo cuidado com os cortes. Em níveis estéticos, a Murta tem um excelente benefício e é fácil de criar uma arte bonita através das suas podas. 

Viburno

Outro arbusto bastante usado como cerca é o Viburno, nativo do Japão e com crescimento moderado. Assim como a Murta, ele possui folhas mais fechadas garantindo uma maior privacidade para a casa e espaços externos. Esse arbusto se adapta muito bem ao nosso clima tropical, sendo que no inverno ela costuma florescer. Em um local aberto e com contato do sol, o Viburno tem um crescimento mais lento e por isso não exige tantas podas.

Pingo-de-ouro

Já o arbusto Pingo-de-ouro, este tem um crescimento rápido, cerca de 15 dias sua muda começa a tomar forma. Essa espécie de cerca viva também é conhecida como violeteira, suas folhas tem uma cor mais amarelada em contraste com o verde. É um arbusto que exige um solo fértil com matéria orgânica, regas frequentes e podas, sendo essas cercas vivas indicada para um jardim mais colorido. Para cultivar o Pingo-de-ouro prefira os locais com pleno sol, como por exemplo, as cercas vivas perto de piscinas.

Photinia Vermelha

Mais um arbusto colorido da nossa lista é a Photinia Vermelha, que apesar do nome indicar uma cor, sua tonalidade muda com o tempo. A Photinia Vermelha nasce com as flores vermelhas, com o tempo tendem a ficar acobreadas e posteriormente ficam com um visual verdinho no jardim. São arbustos que promovem segurança e privacidade, não necessita de podas frequentes, podendo chegar a 3 metros no máximo. Esse tipo de árvore arbusto pequeno pode ser cultivado tanto em pleno sol quanto na sombra, de modo geral não exigem regas constantes.

Veja também lista de material para Jardim.

Primavera

A Primavera é um tipo de cerca viva mais florida e exige alguns cuidados para manter sua beleza e funcionalidade no espaço. Diferente dos arbustos e árvores pequenas, a Primavera precisa de um local adequado para se desenvolver, uma espécie de cerca fixa para ela crescer. Além disso, o crescimento da cerca viva Primavera é mais lento, podendo chegar no máximo a 2 metros de altura. Saiba que é possível encontrar diferentes cores da cerca viva Primavera, como por exemplo, no rosa, roxo, branco, vermelho e também no amarelo.

Podocarpo

O Podocarpo é uma planta ideal para cercas vivas, que costuma combinar muito bem com um muro verde. Algumas espécies de Podocarpo podem crescer até 20 metros de altura, porém, seu crescimento é lento até 1,5 m. Com um bom solo drenado e com matéria orgânica, o Podocarpo cresce saudavelmente criando uma barreira protetora contra ventos e trazendo mais privacidade.

cerca viva

Principais vantagens da cerca viva

Se você tem dúvidas em usar o muro verde para sua área externa, veja a seguir as principais vantagens da cerca viva para sua casa.

Combina com o paisagismo do jardim

Uma das principais vantagens da cerca viva é que ela combina com o paisagismo do jardim, sendo esta uma alternativa versátil. Mesmo com o muro verde vivo, é possível combinar com grama, canteiros de plantas e elementos como pergolados e bancos.

Fácil para manter no dia a dia

Muitas das árvores pequenas para cercas vivas são fáceis de manter, exigem poucas podas e podem ser feitas por você mesmo. Algumas tendem a crescer mais que as outras, mas nada do que uma tesoura de jardinagem não resolva, pois a grande maioria de cerca viva são fáceis de moldar.

Promove segurança e privacidade

Além de trazer um valor estético para a casa, a cerca viva promove segurança e privacidade para sua residência. São ideais para delimitar espaço com a piscina, criar caminhos no hall de entrada e serve como cerca natural para dividir terreno com vizinhos.

cerca viva

Baixo custo para seu projeto

Se você pretende construir um muro ao redor de casa, saiba que a cerca viva tem um baixo custo para seu projeto. Algumas espécies de plantas como o Podocarpo são mais baratas e promovem um valor estético para a fachada. Contudo, uma das vantagens das cercas vivas é que existem espécies que demoram mais para crescer, mas isso depende da escolha do arbusto para a sua área externa da casa.

O post Cerca viva – Como utilizar, espécies e principais vantagens apareceu primeiro em Tudo Construção – Tudo para sua Casa e Construção.

Cerca viva – Como utilizar, espécies e principais vantagens Publicado primeiro em https://www.tudoconstrucao.com

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s